Páginas

sábado, 13 de julho de 2013

O SOFISMO CÉTICO

Jabes é Newton Lima e Valderico Reis. O mandatário da capitania. O senhor de engenho. O coronel do cacau. Jabes é a imagem do passado persistente e ressentido. Determinado, não desistirá da sua missão. Não renunciará ao cargo. Não se engane, eleitor ilheense, Jabes será candidato em 2016. Mesmo sem pretender a reeleição. Poupemos então o homem cético de novo sacrifício. Realizemos sua vontade nas urnas, caso a morosidade (conivente) dos poderes competentes não permita sua cassação até lá. 

Thiago Dias é comunicólogo formado pela UESC. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário