Páginas

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

PM - JUSTIÇA DETERMINA RETORNO ÀS ATIVIDADES

A paralisação dos policiais militares da Bahia foi considerada irregular, de acordo com uma liminar expedida na manhã desta quinta-feira (2) pelo juiz Ruy Eduardo Brito, da 6ª Vara da Fazenda Pública.

Segundo o G1, o juiz determinou a retomada das atividades pelos PMs ligados à Associação de Policiais e Bombeiros do Estado da Bahia (Aspra), que decretaram greve. Quem não retornar ao trabalho pagará multa de R$ 80 mil.

O presidente da Aspra, Marco Prisco, informou ao G1 que não tem conhecimento da liminar.

O procurador geral do estado, Rui Moraes, vai falar, ainda nessa tarde, sobre a ilegalidade do movimento e das medidas que serão adotadas caso os policiais não retornem ao trabalho.

Blog do Gusmão

Nenhum comentário:

Postar um comentário